Quem era a serpente do Paraíso? (2)

Anselmo Borges

DN 27.01.2017

Na continuação do livro de Ariel Álvarez, com a pergunta acima e mais 19 sobre a Bíblia.

1. "Porque é que Noé amaldiçoou o filho que o viu nu?" Uma cena estranha: Noé, que aparece na Bíblia a cultivar a vinha, "a mais preciosa e nobre de todas as plantas da Bíblia", adormeceu por causa de uma bebedeira e acaba por amaldiçoar o filho Cam, que entrou na tenda e o viu nu. O que se passou realmente? Neste caso, não se trata de homossexualidade.

Este relato tem sobretudo uma finalidade política, passando-se o mesmo com a narrativa das duas filhas de Lot, que, para não ficarem sem filhos, embebedaram o pai para terem relações com ele. Cam é o pai de Canaã e Noé não amaldiçoa Cam, mas o seu neto Canaã, porque será um filho gerado num incesto: o texto diz que Cam viu a nudez do pai, o que significa que dormiu com a esposa do pai, ou seja, com a sua própria mãe. Quem é maldito é Canaã. O texto amaldiçoa os cananeus escravizados e quer explicar as relações tensas entre Israel e os moabitas e os amonitas, também filhos de um incesto.

Havia três irmãos: Sem, Cam e Jafet. Um terminou escravo e os outros dois, livres. E "é a primeira vez que a Bíblia fala de escravidão, a instituição mais horrenda que o ser humano inventou, na qual alguém é um morto em vida, não pode decidir por si mesmo, nem fazer aquilo de que gosta, nem ir aonde quer, nem ter amigos nem ser feliz". A Bíblia falará muitas vezes do tornar-se escravo pelo pecado.

2. "Porque é que Deus ordenou a Abraão matar o seu filho Isaac?" Um dos relatos mais brutais e terríficos de toda a Bíblia e mesmo de toda a literatura mundial. Uma tradição judaica conta que Sara, esposa de Abraão, ao saber do facto, deu sete gritos e morreu. Mas, afinal, o que está no texto é uma mensagem revolucionária: Deus não tolera sacrifícios humanos. Por isso, apareceu um carneiro, para substituir Isaac.

3. "Como pôde Moisés contar a sua própria morte?" Os rios de tinta que este passo fez correr! No entanto, é simples: o Pentateuco (os primeiros cinco livros da Bíblia) não foi escrito por Moisés, mas por várias gerações de teólogos, historiadores, juristas, sacerdotes, liturgistas.

4. "Como foi a conquista da Terra Prometida?" Isso é narrado, em epopeia gloriosa, concretamente no livro de Josué, em que aparece a famosa paragem do Sol. Ora, embora nem tudo seja simples criação literária, as lembranças longínquas de alguns confrontos bélicos "estão articulados numa trama artificial e idealizada, como propaganda política".

5. "Deus castigou Salomão por causa das suas mulheres?" Diz a Bíblia que o rei Salomão amou muitas mulheres, o que não seria raro. O que impressiona é o número: chegou a ter 700 esposas e 300 concubinas, portanto, mil mulheres.

Mas não foi essa a razão do castigo de Deus. O que se passou é que a ostentação em obras majestosas, também de tipo religioso, como o Templo, o equipamento militar e marítimo e o luxo da corte levaram a tal dívida externa e, consequentemente, a tal exploração e opressão que as tribos do Norte lançaram um grito de rebelião, como se lê no Primeiro Livro dos Reis: "Que temos nós que ver com o Sul? Voltemos para as nossas casas. Eles que paguem as suas próprias dívidas." E a divisão do reino de Salomão consumou-se.

6. "Porque é que Deus atormentou Job com doenças?" "Em longos e irados discursos, Job arremete inclusivamente contra Deus. Nunca ninguém se tinha atrevido a insultar tanto a Deus." Mas não foi Deus que enviou as desgraças. Foi e é a vida, livre, finita e mortal. Frente à angústia e ao escândalo do sofrimento do inocente, o crente apenas espera resposta na ressurreição de Jesus. Há uma pergunta asfixiante que atravessa a fé do crente – aliás, a pergunta que dá nome ao último filme de Martin Scorsese Silêncio: Porque é que Deus se cala perante o horror do sofrimento? O crente, abalado no abismo desse silêncio, acredita que a última palavra sobre a história ainda não foi dita e pertence a Deus, o Deus da Vida e do Amor. A história lê-se do fim para o princípio e o fim ainda não chegou. O processo do mundo ainda não transitou em julgado. O crente crê confiadamente que a última palavra será dita por Deus, uma palavra de misericórdia e salvação. Então, já não haverá mais dor nem sofrimento, porque é a vida eterna, como diz esperançosamente o Apocalipse.

7. "O que diz a Bíblia sobre os extraterrestres?" Nada. Mas isso não significa que não possa haver outros seres inteligentes noutras paragens do universo.

8. "Jesus nasceu num 25 de Dezembro?" Trata-se apenas de uma data simbólica: substituiu a festividade pagã do nascimento do Sol Invicto, que o imperador Aureliano no dia 25 de Dezembro de 274 proclamou patrono principal do Império.

9. "Com que idade morreu Jesus?" Como muito provavelmente nasceu no ano 6 ou 7 antes da era cristã, quando foi crucificado, teria à volta de 37 anos.

10. "Jesus Cristo morreu no desespero?"Após várias horas de agonia, lançou um grito: "Meu Deus, meu Deus, porque é que me abandonaste?" Sentiu, portanto, que tinha fracassado na sua missão? De facto, aquela pergunta é o início do salmo 22, que continua: "Apesar das minhas súplicas, a minha oração não chega até Ti. Meu Deus, grito de dia e não respondes. De noite, e não fazes caso." Esta oração de Jesus, num inapagável grito em pergunta, atravessa os séculos. Deus ficou em silêncio. Depois, os cristãos acreditaram que lhe deu razão, ressuscitando-o: não morreu para o nada, mas para a plenitude da vida de Deus, que é Amor. Sem esta fé não haveria cristianismo. E quem, primeiro, teve essa experiência de fé, avassaladora, que devia transmitir aos apóstolos e outros discípulos foi uma mulher: Maria Madalena.

Por decisão pessoal, o autor do texto não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico

http://www.dn.pt/opiniao/opiniao-dn/anselmo-borges/interior/quem-era-a-serpente-do-paraiso-2-5631088.html

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s