Poema

FORÇAS

Nossa força reside em estarmos em pé

achatados contra a superfície

na velocidade com que o planeta

mantém o equilíbrio entre os astros

ficamos em pé e caminhamos

nosso cérebro troca impulsos

subimos em árvores

e escalamos montanhas

submergimos e nos locomovemos

corremos na água saltamos e giramos

em piruetas aproveitamos o embalo

do vento no impulso e sustentação

nossa força no terrestre movimento

nos faz vivos a desenvolver os músculos

e ativar a circulação e a respirar

opostos à força terrestre esquecemos

sobrevivermos e organizarmos nossas vidas

em que o amor flutua e permanece etéreo.

(Pedro Du Bois, inédito)

outros poemas:

https://plus.google.com/u/0/108438516741639533660
http://pedrodubois.blogspot.com.br/

1 Comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s